Arquivos Diários: 17/09/2014

Gaivota errante

Comove-me a lágrima incontida Da gaivota errante O bater das asas é inglório Quando as marés se quebram sentadas e o vento açoita a asa que sente Honoré DuCasse Anúncios

| 2 Comentários

Conhecimento e Sabedoria

Todo o escritor é um contador de estórias, e eu venho contando estórias desde os bancos da escola. À medida que fui crescendo, fui também sentindo um fascínio cada vez maior por mitos e lendas e pela filosofia dos contos … Continuar a ler

Publicado em Opiniões, testemunhos | Etiquetas , , , , , , , , , , | Publicar um comentário