O Poema é o meu leito…

O poema é o meu leito
onde me deito estreito
à espera que a noite me leve
nas pálpebras jaz
o que o sono me traz
vagueia o espírito livre
de um corpo cansado
que deixo para trás
sem jamais saber
se algum dia dormirá em paz

José Guerra (2012)

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s