Arquivos Diários: 06/07/2012

“É IMPOSSÍVEL QUE O TEMPO ACTUAL NÃO SEJA O AMANHECER DOUTRA ERA”

“É impossível que o tempo actual não seja o amanhecer doutra era, onde os homens signifiquem apenas um instinto às ordens da primeira solicitação. Tudo quanto era coerência, dignidade, hombridade, respeito humano, foi-se. Os dois ou três casos pessoais que … Continuar a ler

| 1 Comentário