Porquê auto-publicar?

Alguns dias atrás, prometi escrever sobre as razões que me levaram a auto-publicar (ou auto-editar, se preferirem) Era uma Vez uma Casa com o Sítio do Livro. O que prometo, cumpro sempre, por isso, aqui vão as minhas reflexões sobre o assunto, fruto da minha própria experiência.
Comecei por publicar “tradicionalmente” com pequenas ou médias casas de edição, e a dos três livros em francês publicados em Paris ainda só recebi os direitos de autor dos anos 2009 e nem sequer respondem às minhas cartas. Do CD-Rom publicado em Lisboa, também só recebi os primeiros direitos de autor; os seguintes, embora soubesse a quanto se elevavam, nunca lhes vi a cor… desculpas e mais desculpas.
Como muitos outros autores que não são “celebridades” políticas nem do pequeno-écrã, nem jornalistas nem amigos ou amigos dos amigos, mas sim cidadãos desconhecidos, claro que as grandes editoras nem sequer se dão ao trabalho de ler as nossas cartas e somos logo recusados. Curiosamente, apesar de não aceitarem as nossas obras, depois vão utilisá-las parcialmente nos cadernos pedagógicos que publicam… mas isso é outra estória…
A culpa é de todos nós, na realidade, pois mal sai um livro de uma dessas “celebridades” (muitas das vezes nem sequer escrito pelas mesmas e até mesmo de má qualidade literária e de conteúdo), vamos logo comprar porque é “de bom tom” tê-lo… na prateleira.
Considerando, pois, todos estes factos e tendo tomado conhecimento do impacto que estavam a ter os livros electrónicos, decidi um dia auto-publicar assim um dos meus livros. O resultado foi muito favorável, posso  consultar semanalmente as minhas vendas e recebo com regularidade mensal os meus direitos de autor. Dos 9 livros assim publicados, cinco estão praticamente desde os primeiros dias nos TOP 100 das vendas na Amazon.com, às vezes também por períodos na Amazon.co.uk, e pelo Natal tive ainda os livros em inglês e alemão da peça do Pai Natal.
Tendo descoberto, entretanto, que o Sítio do Livro publica livros em papel dentro dos mesmos moldes e com as mesmas vantagens que a Amazon, e que tenciona estender essas condições, no futuro, também aos livros electrónicos, não hesitei em tentar esta experiência e espero não me desiludir.
Desejo a todos(as) o maior êxito na vossa carreira literária e aproveito para vos convidar a visitar o meu sítio pessoal www.dulcerodrigues.info e, porque não, também o infanto-juvenil www.barry4kids.net acompanhados de filhos ou netos.
Dulce Rodrigues

Anúncios

Sobre dulcerodrigues

I was born in Lisbon, but wound up living in other countries around Europe. I'm the proud mother of twin sons, and the happy grandmother of two sweet little girls. I was awarded literary prizes in the US and in Europe, and in addition to writing, I enjoy travelling, gardening, photography, music, and pets - the source of inspiration for most of my children's books and plays, and for the website in four languages www.barry4kids.net I created specially for children around the world to learn with fun. I also have a passion for History and for all forms of Art that transmit Beauty, and I belong to cultural associations in Portugal and in other countries. Please visit me at www.dulcerodrigues.info, or at http://about.me/dulcerodrigues.
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s