Arquivos Diários: 19/09/2011

(…) Do Livro “O Último Oleiro”

‎(…) “Ó tia Maria! Ó tio António!… Querem ver que não estão. Às tantas foram fazer alguma feira…”, grita a mulher que fora em busca da cântara. Ouve-se o zurrar do burro vindo do palheiro ao lado da casa: (…) … Continuar a ler

| Publicar um comentário

O sol deixa-se cair….

O sol deixa-se cair no horizonte, espreita do seu beiral enquanto se desenha longínquo nos telhados pintando silhuetas no olhar com se despede beijando a noite, sem nunca a ter visto… José Guerra (2011)

| Publicar um comentário

Apresentação do Livro “O Último Oleiro”

Decorreu no passado sábado a apresentação do livro O Último Oleiro, na Biblioteca Lúcio Craveiro, em Braga, com a presença do dr. Sergio Parente, e muitos leitores da região Minhota e Transmontana, interessados na cultura do seu povo. Os meus agradecimentos a todos … Continuar a ler

| Etiquetas , , , , , | Publicar um comentário

Ilustração, cry maiden ( de Danilo Pereira )

Nesta ilustração, Wolfgang está erguendo os escudos das estátuas, onde a donzela derrama lágrimas e abre passagem atravéz do desconhecido.

| Publicar um comentário