Arquivos Diários: 25/12/2017

EUGÉNIO DE ANDRADE – Último Poema

EUGÉNIO DE ANDRADE (Póvoa de Atalaia, Portugal, 1923 — Porto, 2005) Poeta           ÚLTIMO POEMA É Natal, nunca estive tão só. Nem sequer neva como nos versos do Pessoa ou nos bosques da Nova Inglaterra. Deixo os … Continuar a ler

| 1 Comentário