HENRI CARTIER-BRESSON – Pioneiro do Fotojornalismo

Henri-Cartier-Bresson-1

Henri Cartier-Bresson (Chanteloup-en-Brie, França, 1908 – Montjustin, França, 2004).

É considerado uma das figuras mais originais, influentes e admiradas da história da fotografia do século XX.

Esteve na Guerra Civil em Espanha, na Revolução Chinesa e na Segunda Guerra Mundial.

Foi o primeiro fotógrafo da Europa Ocidental a fotografar, sem controlo da censura, o quotidiano da União Soviética.

Fotografou Gandhi, Pablo Picasso, Paul Valéry, Jean Paul Sartre, Simone Beauvoir, Albert Camus, Paul Éluard, entre muitos outros,

Publicou, em 1952, o livro sobre fotografia intitulado: Images à la Sauvette,

Esteve em Portugal em 1955.

Palavras de Henri Cartier-Bresson:

O reconhecimento é um fardo muito pesado para se carregar. Não quero ser fotografado, identificado, quero ser anónimo. A celebridade é horrível. Eu sou libertário. Tenho horror ao poder. A notoriedade como fotógrafo é uma forma de poder que recuso.”

Anúncios

Sobre José Eduardo Taveira

Nasci no Porto. Trabalhei em diversas empresas nacionais e multinacionais, exercendo cargos directivos. Actualmente estou liberto de compromissos profissionais, usufruindo a liberdade de viver como gosto e quero. Publiquei três livros intitulados: "Juntos para Sempre","Histórias de Pessoas que Decidi Divulgar" e "Viagem ao Princípio da Vida". Os dois primeiros em Portugal e o último no Brasil.
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s