SYLVIA PLATH – “Canção de Amor da Jovem Louca”

sylvia plath - canção de amor

Sylvia Plath nasceu em Outubro de 1932, em Boston, Massachusetts.

Foi poetisa, contista e romancista norte-americana.

Plath é reconhecida como a prosseguidora do género de poesia confessional, que consiste na expressão autobiográfica da intimidade do poeta, expondo temas relacionados com a doença, a sexualidade, a depressão, etc.

Foi o primeiro poeta a ganhar, (postumamente), o “Prémio Pulitzer de Poesia” em 1982, pelo livro” Collected Poems”.

O filme “Sylvia – Paixão Além das Palavras”, realizado em 2003, retrata a história agitada da sua relação com o poeta Ted Hughes, seu companheiro.

 Canção de Amor da Jovem Louca

Cerro os olhos e cai morto o mundo inteiro
Ergo as pálpebras e tudo volta a renascer
(Acho que te criei no interior da minha mente)

Saem valsando as estrelas, vermelhas e azuis,
Entra a galope a arbitrária escuridão:
Cerro os olhos e cai morto o mundo inteiro.

Enfeitiçaste-me, em sonhos, para a cama,
Cantaste-me para a loucura; beijaste-me para a insanidade.
(Acho que te criei no interior de minha mente)

Tomba Deus das alturas; abranda-se o fogo do inferno:
Retiram-se os serafins e os homens de Satã:
Cerro os olhos e cai morto o mundo inteiro.

Imaginei que voltarias como prometeste
Envelheço, porém, e esqueço-me do teu nome.
(Acho que te criei no interior de minha mente)

Deveria, em teu lugar, ter amado um falcão
Pelo menos, com a primavera, retornam com estrondo
Cerro os olhos e cai morto o mundo inteiro:
(Acho que te criei no interior de minha mente.)

Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.